Noticias

02-09-2015


Bandidos roubam 108 colmeias de fazenda no interior do RS Abelhas viraram alvo dos criminosos, principalmente por causa do mel. Nem o risco do ataques dos insetos inibiu a ação dos criminosos. IMAGENS: CIDADE DAS ABELHAS EM FLORIANÓPOLIS/SC

Matéria feita na Cidade das Abelhas em Florianópolis/SC com nosso colaborador Ivanir Cella, gerente de Apicultura da EPAGRI.

Com o dia nublado, as abelhas ficam mais tempo dentro das colmeias. Quando está sol, elas saem para transportar o pólen de flor em flor para a fertilização das plantas. Além disso, 73% das espécies vegetais cultivadas no mundo são polinizadas por alguma espécie de abelha.
"Para se ter uma ideia, 85% da maçã é produzida pelo trabalho de polinização da abelha, da ameixa, 80%, assim outras culturas também?, explica Ivanir Cella, gerente de apicultura.
Só que as abelhas correm os riscos de desaparecer. Muitas espécies estão ameaçadas de extinção em todo o mundo, principalmente por causa do uso desenfreado de agrotóxicos.
A apicultura é uma atividade econômica que cresce muito no Brasil. Só em Santa Catarina, nos últimos cinco anos, a preocupação de mel dobrou, de três mil toneladas para 6.500 toneladas por ano. ??Roubam-se abelhas para produzir, mel, própolis para venda. Isso [roubos] sempre ocorre quando é lucrativo, como a atividade de apicultura hoje?, completa Cella.

FONTE: http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2015/08/bandidos-roubam-108-colmeias-de-fazenda-no-interior-do-rs.html